Você está aqui:  Início  /   Notícias  /   Bloco de Esquerda denuncia “mega lixeira a céu aberto” em Mozelos

Bloco de Esquerda denuncia “mega lixeira a céu aberto” em Mozelos

O Bloco de Esquerda denunciou ontem a existência de uma “lixeira a céu aberto situada na Avenida Casal, em Mozelos”. O partido acusa a Câmara Municipal de continuar “a ignorar a existência de dezenas de graves focos de poluição por todo o concelho” e pede mais fiscalização e ações de sensibilização.

“Infelizmente, apesar das sucessivas denúncias relativas às lixeiras a céu aberto, quer do Bloco, quer da população, a Câmara Municipal continua a ignorar a existência de dezenas de graves focos de poluição por todo o concelho”, escreve o Bloco de Esquerda, referindo que a lixeira, em Mozelos, fica perto da Estação de Tratamentos de Águas Residuais.

“Nesta lixeira podemos encontrar amianto, lixo de obras, bastante plástico, pneus, mobiliário, esferovite, louças de WC”, refere o BE, sublinhando que estes materiais “representam um enorme perigo para a saúde pública e prejudicam o meio ambiente local”.

“O Bloco de Esquerda não consegue compreender o porquê do concelho continuar a estar repleto destas mesmas lixeiras. Das duas, uma: ou o executivo municipal não conhece e não fiscaliza de forma alguma o território ou se fiscaliza é incompetente ao não solucionar este problema”, afirma o BE, acrescentando que “urge investigar os autores destes crimes, de forma a punir os mesmos”.

Ao município, o BE pede que “comece a sensibilizar verdadeiramente a população para evitar que estas lixeiras a céu aberto sejam ainda mais uma constante no concelho”.

“A população começa a insurgir-se, denunciando estes casos de lixeiras a céu aberto graves no concelho. Infelizmente, o PSD não tem maturidade política para acompanhar o sentido crítico dos munícipes”, remata o BE.