Você está aqui:  Início  /   Notícias  /   CDS reclama intervenção urgente na piscina de S. João de Ver que diz estar “ao abandono”

CDS reclama intervenção urgente na piscina de S. João de Ver que diz estar “ao abandono”

Diogo Fontes, presidente do Núcleo do CDS-PP de S. João de Ver e membro da Assembleia de Freguesia, diz que piscinas estão num “estado deplorável” e reclama a reabilitação urgente dos balneários, edificado e zona exterior

O CDS reclama uma intervenção urgente na Piscina de S. João de Ver e lamenta a ausência de uma rubrica no orçamento da Feira Viva para avançar com obras de reabilitação. O partido considera que a piscina está ao “abandono”, num estado “deplorável” e reivindica a requalificação urgente nos balneários, edificado e zona exterior.

Em comunicado, o núcleo do CDS desta freguesia criticou recentemente a ausência de uma rubrica para a requalificação deste equipamento no orçamento da Feira Viva 2021, entidade que gere o equipamento. À Sintonia Feirense, o presidente da Direção do Núcleo do CDS e membro da Assembleia de Freguesia, Diogo Fontes, diz que o equipamento “está ao abandono”.

Diogo Fontes diz que equipamento “está ao abandono”

A requalificação da piscina de S. João de Ver também foi alvo de discussão na última reunião de Câmara. O vereador socialista, António Bastos, questionou o porquê de não existir uma rubrica para a requalificação deste equipamento no orçamento da Feira Viva. Em resposta, o diretor geral da Feira Viva, Paulo Sérgio Pais, apontou que a requalificação da piscina de S. João de Ver está incluída na rubrica de ‘serviços transversais’. O responsável esclareceu que a administração da Feira Viva já aprovou um projeto de remodelação que está, neste momento, “em execução e logo que esteja concluído será apresentada a perspetiva do que se pretende da requalificação da piscina”.

Questionado pelo vereador do PS, António Bastos, na reunião de Câmara, sobre a ausência de uma rubrica para a requalificação da piscina de S. João de Ver, o diretor geral da Feira Viva afirmou que está em curso a execução de um projeto de remodelação que será apresentado quando estiver concluído

A justificação não convence Diogo Fontes. O presidente do Núcleo do CDS de S. João de Ver diz que a ausência da “habitual rubrica” no orçamento espelha a “falta de vontade política” para avançar com a empreitada. Diogo Fontes acrescenta que a melhor altura para entrar em obras é agora, já que o equipamento se encontra encerrado devido à pandemia da Covid-19,

Diogo Fontes diz falta vontade política para avançar com a obra
CDS tenciona levar o tema à Assembleia Municipal de Santa Maria da Feira

O CDS promete não deixar cair no esquecimento a piscina de S. João de Ver. Tenciona levar o tema à Assembleia Municipal de Santa Maria da Feira, através do deputado municipal, Ângelo Santos.

CDS tenciona levar o tema da requalificação das piscinas de S. João de Ver à Assembleia Municipal
Diogo Fontes sublinha a importância deste equipamento, mostra-se “triste e indignado por não haver projeto aprovado” e diz que “ano após ano tudo fica igual”