Você está aqui:  Início  /   Desporto  /   PLATINY APONTA O CAMINHO DA SUBIDA DE DIVISÃO! FEIRENSE “É GRANDE!”

PLATINY APONTA O CAMINHO DA SUBIDA DE DIVISÃO! FEIRENSE “É GRANDE!”

Feirense em jogo ganda foto

O Feirense venceu o Farense por uma bola a zero, com um golo de Platiny aos 49 minutos, em jogo a contar para a jornada 27 da Segunda Liga, disputado no Estádio Marcolino Castro. O extremo venezuelano Alí Meza estreou-se a titular nos jogos do campeonato. Platiny encontrou o caminho do golo.

Esta foi uma jornada muito proveitosa para os azuis que beneficiaram dos resultados dos seus mais diretos adversários e subiram ao quarto lugar, agora com 46 pontos, ficando a um ponto dos lugares de promoção à 1ª Liga. “Estava caro o metro quadrado!” exclamou Pepa, no final do encontro.

Para Pepa não há surpresas na II Liga.

Feirense em jogo ganda ganda

Aos 49′, o lance que decidiu o encontro. Serginho cobrou um livre para junto da pequena área e Platiny, felino, emendou de cabeça para o fundo das redes inaugurando o marcador e colocando os azuis a vencer por uma bola a zero. Aos 59 minutos, após um excelente cruzamento de Serginho no lado esquerdo, Kukula cabeceou com muito perigo, fazendo a bola passar a milímetros do poste, gorando-se desta forma uma boa ocasião para o Feirense ampliar o marcador. Michael, aos 67’ e 68 minutos, teve nos pés duas soberanas ocasiões para marcar, mas em ambas não conseguiu acertar no alvo, para desespero das hostes fogaceiras. A equipa de Horácio Gonçalves estava sem soluções e pior ficou ao minuto 81, quando Rambé foi expulso por acumulação de amarelos, o que permitiu ao Feirense gerir melhor o jogo e o resultado com um claro domínio sobre os algarvios. Aos 83 minutos os visitantes dispuseram de uma boa ocasião para chegar ao empate, mas o remate de Irobiso, em zona frontal, saiu por cima da baliza de Makaridze.

Bruno Godinho, no relato, e Paulo Pereira, nos comentários, foram as vozes da Sintonia Feirense, no Marcolino de Castro.

“Os pequenos pormenores fazem a diferença”, lembrou, no final, Horácio Gonçalves, pelo Farense.