Você está aqui:  Início  /   Notícias  /   Trinta alunos do ensino profissional selecionados para estágios em Espanha

Trinta alunos do ensino profissional selecionados para estágios em Espanha

Cerca de 30 alunos do ensino secundário profissional do concelho de Santa Maria da Feira vão realizar estágios de um mês em Espanha, no âmbito dos projetos europeus ‘Oportunidades Formativas: Feira+Europeia’ e ‘Europa sem Fronteiras’. Os contratos de mobilidades para fins de aprendizagens foram assinados pelo presidente da Câmara, Emídio Sousa, e pelos alunos beneficiários, numa sessão realizada a 10 de maio, no Europarque.

Os alunos selecionados frequentam o 11º e 12º anos do ensino secundário profissional dos agrupamentos de escolas de Arrifana, Coelho e Castro e Santa Maria da Feira, bem como da Escola Profissional de Paços de Brandão. Durante um mês, beneficiarão de uma experiência profissional em empresas de Barcelona, Málaga, Sevilha e Gijón, perspetivando alargar horizontes num contexto laboral e social diferente do que conhecem.

Espanha foi o país privilegiado pelo consórcio de Santa Maria da Feira para esta edição das mobilidades Erasmus+, tendo em conta os benefícios da proximidade geográfica no atual contexto pandémico. Os participantes são alunos de sete cursos profissionais distintos: Técnico de Juventude (Arrifana); Técnico de Cozinha e Pastelaria e Técnico de Gestão e Programação de Sistemas Informáticos (Santa Maria da Feira); Técnico de Informática: Instalação de Redes e Técnico de Animação Sociocultural (Coelho e Castro); Técnico de Vendas e Técnico de Comunicação, Relações Públicas, Marketing e Publicidade (Escola Profissional de Paços de Brandão).

Os projetos europeus ‘Oportunidades Formativas: Feira+Europeia’ e ‘Europa sem Fronteiras’ resultam de um consórcio, coordenado pelo Município de Santa Maria da Feira, que integra as escolas profissionais dos agrupamentos de Arrifana, Coelho e Castro, Santa Maria da Feira e Escola Profissional de Paços de Brandão, ao abrigo do programa europeu ‘Erasmus+ Ensino e Formação Profissional’, que apoia estágios no estrangeiro para estudantes atualmente matriculados no ensino e formação profissionais. Os estagiários são acolhidos num local de trabalho correspondente à sua área de formação, realizando períodos de aprendizagem em contexto laboral considerados parte integrante dos seus estudos e programas curriculares.

Para além de proporcionarem uma experiência profissional enriquecedora, os estágios Erasmus+ possibilitam que os alunos melhorem ou aperfeiçoem as suas competências linguísticas, interculturais e de comunicação, potenciando ainda a aquisição de competências transversais, como o espírito empreendedor, altamente valorizadas pelos empregadores.