Você está aqui:  Início  /   Desporto  /   CALDAS-BEIRA MAR PARA A HISTÓRIA, LAMAS TRAVADO EM ÁGUEDA

CALDAS-BEIRA MAR PARA A HISTÓRIA, LAMAS TRAVADO EM ÁGUEDA

lamas capa

Derrota do União de Lamas F.F. nas grandes penalidades, em Águeda, por 4-2, nas decisões da Taça Distrito de Aveiro. Bruno Godinho foi a voz da Águia Azul, a Sintonia Feirense.

No final da partida, sobressaiu a revolta pela direção do União de Lamas. Fausto Sá explica porquê, em direto na Águia Azul, a Sintonia Feirense.

O diretor do Lamas aborda os lances em concreto, de uma arbitragem “péssima”.

José Neves, presidente do União de Lamas, também não cala a indignação, após o segundo jogo com o Recreio de Águeda, em duas semanas.

O treinador do Águeda, Augusto Semedo, fala de uma partida “muito difícil, perante um excelente adversário”.

Semedo enfatiza a “excelente temporada aguedense, com apenas 7 pontos perdidos”.

aguedsa lamas

O histórico Beira Mar, que já venceu a Taça de Portugal e esteve nas competições europeias, proporcionou um embate para a história do Caldas de S. Jorge Sport Clube. Em fim de semana de Carnaval na vila termal, grande réplica dos comandados de Torcato Moreira. São já mais de 16 anos de ligação de Torcato Moreira ao Caldas.

O Caldas de S. Jorge-Beira Mar, 1-2 teve narração integral na Águia Azul, a Sintonia Feirense, pela voz de Paulo Pereira.

As decisões da Taça de Aveiro em fim de semana de Carnaval nas Caldas.

A massa associativa do Beira Mar foi elogiada, em direto, pela equipa técnica, através da Águia Azul, a Sintonia Feirense, em reportagem efetuada por Paulo Pereira.

caldas de s jorge

Ainda antes do grande jogo, vitória do Beira Mar por 2-1, Torcato Moreira falava em partida para a história do Caldas de S. Jorge.

E o Caldas, chegou a acreditar, quando rubricou o 1-1, no encontro.